História oral, etnografia e dicções de Pai Francisco em estado de transe

Leandro Seawright Alonso, Aline Baliberdin

Resumo


Por meio do suporte metodológico da história oral e da etnografia no contexto de uma experiência de pesquisa, escrevemos este artigo com base na entrevista realizada com Pai Francisco, assim como em anotações no caderno de campo. Com fulcro na narrativa de vida selecionada, buscamos compreender as questões atinentes à mística candomblecista, à reserva de memória do narrador e às negociações de identidades estabelecidas entre Pai Francisco e Exu Tiriri Lonan. Descrevemos um episódio de transe religioso e apresentamos fragmentos de uma entrevista realizada com Pai Francisco/Exu Tiriri Lonan durante a performance mística e narrativa.

Palavras-chave


história oral, etnografia, religiosidade, memória, identidade

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE HISTÓRIA ORAL
www.historiaoral.org.br