História Oral, cidade e lazer no tempo presente

Fernando Cesar Sossai, Ilanil Coelho

Resumo


Neste artigo tentamos compreender os sentidos atribuídos ao lazer nos processos de identificação cultural e de pertencimento urbano numa cidade de médio porte do sul do Brasil, tendo por base as contribuições teórico-metodológicas advindas do campo da História do Tempo Presente e da História Oral. Para tanto, além da análise de numerosos escritos que circularam pela imprensa brasileira, procedemos à interpretação histórica de narrativas de memória elaboradas por pessoas idosas, atentando para suas sensibilidades acerca das práticas de lazer que experimentam no presente e/ou experimentaram no passado da cidade que residem. Ao final, empreendemos um esforço por analisar as formas pelas quais nossos entrevistados narram seu próprio envelhecimento e buscam dar dimensões a novos laços sociais com o local onde residem, qualificando suas vivências de acordo com passados imaginados e futuros almejados.

Palavras-chave


Memória; Cidade; História do Tempo Presente e História Oral

Texto completo: PDF

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE HISTÓRIA ORAL
www.historiaoral.org.br